Publicada em 25/05/2017 às 08:00

Comente


10 filmes para entender a dor e a superação no universo do boxe

 
De um lado do ringue, embates violentos. Do outro, histórias de superação e redenção. São nesses dois pilares que o filme de boxe se sustenta. Com essa mistura, o gênero já rendeu diversas produções, trazendo personagens famosos como Rocky e também muitas tramas baseadas em fatos reais. A seguir o Cinema10 apresenta 10 filmes para entender a dor e a superação no universo do boxe.

Rocky, um Lutador

 
Clássico absoluto do gênero, Rocky, um Lutador venceu os Oscar de Melhor Filme, Diretor e Edição e ainda rendeu a Sylvester Stallone indicações a Melhor Ator e Roteiro. Rocky é um cara simples e pobre que consegue uma chance de ouro: subir no ringue para enfrentar o astro do boxe, Apollo Creed. A jornada de treinamento até o dia da luta se mistura com a luta pessoal do personagem-título contra os obstáculos impostos pela vida e ainda para provar o seu amor por Adrian.
 
Saiba mais sobre Rocky, um Lutador e outros filmes de boxe.
 

Creed - Nascido para Lutar

 
Esse longa é continuação da franquia Rocky. Sylvester Stallone reprisa o papel lendário, que por pouco não lhe valeu o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante.  Dessa vez, ele está longe dos ringues, gerenciando o restaurante que leva o nome da esposa. Mas o boxe retorna ao seu cotidiano quando aceita treinar o jovem Adonis (Michael B. Jordan), que revela ser filho do rival de Rocky, Apollo Creed. Rocky não entende por que Adonis quer uma vida de lutador quando não precisa disso. Mas o jovem insiste em provar seu talento para as lutas e vencer pelo próprio merito e não por causa do sobrenome.
 
Saiba mais sobre Creed - Nascido para Lutar e outros filmes de boxe.
 

Punhos de Sangue

 
Por falar em Rocky, a cinebiografia Punhos de Sangue, em cartaz no Brasil, gira em torno desse universo. A produção acompanha o boxeador Chuck Wepner, cuja história inspirou Sylvester Stallone a escrever o roteiro de Rocky, um Lutador. Liev Schreiber vive Chuck, que fica famoso ao enfrentar Muhammad Ali e resistir por 15 rounds até ser derrotado. Em tom de comédia, o longa mostra os altos e baixos da vida e da carreira de Chuck.
 
Saiba mais sobre Punhos de Sangue e outros filmes de boxe.
 

Touro Indomável

 
Cinebiobrafia conta a história do boxeador Jake La Motta, vivido por Robert De Niro, que merecidamente faturou o Oscar de Melhor Ator. La Motta é um homem autodestrutivo, cujo inimigo não é quem enfrenta no ringue e sim ele mesmo. O lutador leva a brutalidade do esporte para a vida pessoal, destruindo a vida de sua família.
 
Saiba mais sobre Touro Indomável e outros filmes de boxe.
 

Ali

 
Will Smith recebeu sua primeira indicação ao Oscar de Melhor Ator ao dar vida ao pugilista Cassius Clay. Ele se torna uma lenda do boxe com vitórias históricas. Convertido ao islamismo, o lutador troca seu nome para Muhammad Ali. A sucessão de vitórias é interrompida quando o boxeador se recusa a lutar na Guerra do Vietnã. Seus títulos são cassados, ele é banido do boxe e condenado à prisão. No entanto, a condenação foi anulada e ele retorna aos ringues. 
 
Saiba mais sobre Ali e outros filmes de boxe.
 

Menina de Ouro

 
Esse drama delicado e lacrimoso acompanha a jornada da garçonete Maggie (Hilary Swank), superando os próprios limites para realizar o sonho de ser boxeadora. Para isso, ela convence o ranzinza Frankie (Clint Eastwood) a treiná-la. O que os dois não imaginavam era que a partir daí surgiria uma amizade e um elo de pai e filha. A produção venceu os Oscar de Melhor Filme, Diretor (Eastwood), Atriz (Swank) e Ator Coadjuvante (Morgan Freeman).
 
Saiba mais sobre Menina de Ouro e outros filmes de boxe.
 

Boa de Briga

 
Outra personagem feminina inserida no universo do boxe é Diana, interpretada por Michelle Rodriguez, fazendo sua estreia como atriz. Ela é uma jovem durona, que não aceita desaforo e muito menos ser diminuída pelo fato de ser mulher. Diana bate de frente com o preconceito e encara homens nos ringues para mostrar o quanto é boa de briga.
 
Saiba mais sobre Boa de Briga e outros filmes de boxe.
 

O Vencedor

 
Baseado em fatos reais, esse drama com toques de comédia mostra Micky Ward (Mark Wahlberg) cansado de ser uma decepção e que mostra nos ringues que pode sim ser um campeão. Mas essa busca não é fácil, em especial por causa de seu irmão e treinador Dicky Ecklund (Christian Bale). O cara desperdiçou a chance no boxe em função da vida de crimes e drogas. Por causa das encrencas que arruma, ele atrapalha e, muito, Micky a conquistar o que quer. O filme rendeu a Bale e à Melissa Leo o Oscar na categoria de Coadjuvante.
 
Saiba mais sobre O Vencedor e outros filmes de boxe.
 

Nocaute


Jake Gyllenhaal mostra muito bem quanta dor física um boxeador sente no seu dia a dia. Seu personagem, o lutador profissional Billy Hope, se mexe com dificuldade e está sempre com ferimentos pelo corpo. Mas nenhum deles é tão doloroso quanto a emocional pelo fato de perder a esposa após ele se envolver numa briga. Corroído pela culpa, Billy tenta se reerguer na carreira e reaver a guarda da filha, que perdeu devido aos problemas que provoca.
 
Saiba mais sobre Nocaute e outros filmes de boxe.
 

Bônus: Sangue Pela Glória

 
Este filme é baseado em fatos reais e permanece inédito no Brasil. Ele gira em torno do boxeador Vinny Pazienza (Miles Teller). Ele é uma sensação do esporte, se tornando campeão dos pesos leves e dos médio-ligeiros. No entanto, Vinny sofre um acidente de carro, fraturando o pescoço. Os médicos dizem que o lutador pode nem conseguir voltar a andar. Mas Vinny começa a luta pessoal para se recuperar e retornar aos ringues.
 
Saiba mais sobre Sangue Pela Glória e outros filmes de boxe.
 
 
Por Vanessa Wohnrath

Mais matérias...

Comentários (0)

Deixar um comentário


Nenhum comentário, ainda. Seja o primeiro a comentar!