Publicada em 10/06/2017 às 11:00

Comente


Filmes sobre romances que não são água-com-açúcar

O Dia dos Namorados é comemorado neste dia 12 de junho, que neste ano cai bem numa segunda-feira. Aproveitando um pouquinho de frio que está fazendo, o melhor é passar a comemoração para o domingo que antecede a data, com um filminho!
 
Mas se o casal tem dificuldade para comprar aquelas histórias açucaradas dos filmes românticos mais conhecidos, aqui vão algumas dicas de filmes sobre romances que não são água-com-açúcar. 

Ela (2013)

Her
 
Homem conhece mulher. Ele se interessa, ela também. Trocam informações durante o flerte, confissões e reflexões sobre a vida. Se apaixonam. Mas algo vai atrapalhar esse amor. Seria a descrição de uma história convencional se não tivesse o detalhe: Ela não existe, é um software. Na voz de Scarlett Johansson, a personagem ganha vida e seduz o público. 

O Lado Bom da Vida (2012)

O Lado Bom da Vida
 
Recém-saído de um hospital psiquiátrico, onde entrou após um surto e um divórcio, o protagonista deste drama com toques de comédia é um homem em negação. Ele conhece a "mocinha", também em recuperação de transtornos mentais, também ferida, também reativa. O resultado do relacionamento dos dois é difícil de prever, mas O Lado Bom da Vida faz um ótimo trabalho ao mostrar a cura pelo companheirismo.  

Namorados para Sempre (2010)

Namorados
 
Com esse título nacional, Namorados para Sempre o filme virou "pegadinha". Parece romance água-com-açúcar, mas está longe disso. É sim um poderoso tapa na cara de quem acredita em contos de fadas. Com atuações viscerais de Ryan Gosling e Michelle Williams, o filme mostra o ontem, o hoje e o amanhã de um relacionamento cansado.

Once (2006)

Apenas uma VEz
 
Este drama musical reuniu dois intérpretes semi-profissionais para contar a história de um casal unido pela paixão pela música. Once tem de despretensioso o que tem de espontâneo e naturalmente meigo. 

Brilho Eterno de Uma Mente sem Lembranças (2004)

Brilho Eterno
 
Em Brilho Eterno Sem Lembranças, eles se amaram muito. Mas depois de um término doloroso, procuram uma tecnologia para "apagar" memórias selecionadas. O antes, o durante e o depois desse amor são contados com muita sensibilidade e criatividade e interpretados com grande entrega pela maravilhosa Kate Winslet e Jim Carrey. 

Vejo Você no Próximo Verão (2010)

Vejo Você no Próximo Verão
 
Dirigido pelo saudoso Phillip Seymour Hoffman, Vejo Você no Próximo Verão é adaptado de uma peça teatral. Hoffman interpreta um homem que sofre de timidez patológica e que conhece uma mulher, também isolada socialmente. Como se aproximar? Essa questão é respondida de forma inesperada, mas muito doce, no longa. 

Amor à Flor da Pele (2000)

Amor à Flor da Pele
 
Vizinhos, eles suspeitam que seus respectivos cônjuges estão tendo um caso. Nada é o que parece em Amor à Flor da Pele, um drama com visual de tirar o fôlego. 

Ensina-me a Viver (1971)

Ensina-Me a Viver
 
Em Ensina-me a Viver, ele tem 20 anos e é obcecado pela morte. Ela tem 70 e não se cansa da vida. Juntos, eles vão viver uma breve aventura, que tem romance sim, mas sobretudo descobertas e respeito mútuo. 
 
Você pode pesquisar outros títulos para essa data nas seções de filmes de romancefilmes de amor e filmes de relacionamento!
 
Por Fabíola Cunha

Mais matérias...

Comentários (0)

Deixar um comentário


Nenhum comentário, ainda. Seja o primeiro a comentar!