Cidade Sem Compaixão

Poster do filme Cidade Sem Compaixão
  • Town Without Pity

  • Estreia: 20/03/1961
  • Gênero: Drama

  • Duração: 105 min.
  • Origem: Estados Unidos e Alemanha
  • Direção: Gottfried Reinhardt
  • Roteiro: George Hurdalek, Manfred Gregor
  • Distribuidor: -
  • Classificação: -
  • Ano: 1961
0 voto
0 voto
0 voto
0 voto

Sinopse

Alemanha, setembro de 1960. Quatro soldados do quartel McBride, que fica perto de Neustadt, uma pequena cidade, ficam bêbados e vão embora. No entanto, num bosque próximo, Karin Steinhof (Christine Kaufmann) e Frank Borgmann (Gerhard Lippert), um casal de namorados, conversam. Ela quer seduzi-lo, ficando irritada com a cautela de Frank e acabam tendo uma discussão. Ainda bem chateada, Karin nada até o outro lado da margem de um pequeno rio. Os soldados a vêem, ficam interessados nela e a estupram, enquanto ela pedia que Frank a socorresse, mas ele nada pôde fazer, pois foi esmurrado por um dos soldados. Os militares resolvem então sair logo do local, mas Jim (Robert Blake), um dos soldados, demora mais um pouco, pois quis tranqüilizar Karin enquanto a cobria com sua camisa. Quando o caso vem à tona o exército quer o julgamento em um grande lugar público e convoca o major Jerome Pakenham (E.G. Marshall) para atuar na promotoria, enquanto o major Steve Garrett (KIrk Douglas) é escolhido para fazer a defesa dos réus. O pai de Karin, Herr Steinhof (Hans Nielsen), o gerente do banco local, quer a pena capital, algo legal em um tribunal militar americano, apesar de não existir pena de morte na Alemanha. Antes do início do julgamento Garrett quer fazer um acordo com a promotoria. O pai de Karin e Pakenham crêem que ele está tentando evitar que os réus recebam a pena máxima e o acordo é recusado. Garrett alega apenas que quer poupar Karin e ninguém poderia imaginar como ele estava certo.

Elenco

  • Christine Kaufmann
  • Richard Jaeckel
  • Robert Blake

Assistir Trailers e Comerciais

Imagens e Fotos

Comentários (0)






Nenhum comentário, ainda. Seja o primeiro a comentar!