Heleno

Poster do filme Heleno
1 voto
5 votos
6 votos
11 votos
16 votos

Sinopse

Heleno de Freitas era o príncipe da era de ouro do Rio de Janeiro, os anos 40, quando a cidade era um cenário de sonho, cheio de glamour e promessas. Bonito, charmoso e refinado nos salões elegantes, era um gênio explosivo e apaixonado nos campos de futebol. Heleno tinha certeza de que seria o maior jogador brasileiro de todos os tempos. Mas a guerra, a sífilis e as desventuras de sua vida desviaram seu destino, numa jornada de glória e tragédia.

Curiosidades

  • Inspirado no livro Nunca Houve um Homem como Heleno, do jornalista Marcos Eduardo Neves.

Elenco

  • Angie Cepeda
  • Duda Ribeiro
  • Henrique Juliano
  • Orã Figueiredo

Assistir Trailers e Comerciais



Comentários (22)

Deixar um comentário


Enzo Ferraz comentou: .
......
Nota 10 Responder

joão vinicius comentou: não to afim de ver. Nota 3 Responder

Kahiky Ferreira Nascimento comentou: até tem um bom molde em p&b mas peca no roteiro raso e no elenco fora de sintonia Nota 6 Responder

Henrique Klein comentou: Não quero ver... Nota 1 Responder

Wilken Vieira comentou: Heleno é fraco um dos filmes nacionais mau feito que já vi... Nota 4 Responder

Wilken Vieira comentou: . Nota 3 Responder

Sérgio Silvieira comentou: Fazia muio tempo que um filme me impressionava desse jeito. O desafio de fotografar preto e branco me emociona, quando o diretor e o diretor de fotografia acertam. Eu, que não sou chegado a futebol, fiquei maravilhado sobre como a história de um jogador de futebol foi capaz de me emocionar. Walter Carvalho realmente fez a sua melhor fotografia como Vladimir Carvalho já havia dito. Rodrigo Santoro nunca esteve tão bem...de todos os personagens dele que vi, incluindo os hollywoodianos, Heleno foi o melhor. Parabéns. Nota 10 Responder

Wilken Vieira comentou: deve ser interessante Nota 9 Responder

Maria Fernanda Dias Alao comentou: Vi o filme ontem, pela HBO. Gostei bastante, o Rodrigo está excelente, fotografias, cenários...tudo otimo se....não fosse o péssimo audio! Mal se entendia o que os personagens falavam!!!! Fui na base da adivinhação...enquanto os "ruidos" por trás da cena, ouvia-se perfeitamente, musica, som do mar, trafego etc...mas, os diálogos, uma lástima...infelizmente...!! Nota 8 Responder

Regina Coeli C. Santana comentou: Que maravilha. Direção, interpretação, tomadas e cenários, deste grande drama do futebolista. Nota 10 Responder

Claudio Aldecir comentou: Excelente. Parabéns principalmente ao diretor que soube retratar muito bem a época e o grande drama do craque. Nota 10 Responder

Claudio Aldecir comentou: Excelente. Parabéns principalmente ao diretor que soube traduzir a época e o grande drama do craque. Nota 10 Responder

Bianca comentou: Excelente atuação do grandioso ator Othon Bastos no filme Heleno, vivendo Carlito Rocha. É a terceira vez que Othon Bastos atua ao lado de Rodrigo Santoro. Já estiveram juntos como pai e filho em Bicho de Sete Cabeças (2001) e atuaram também em Abril despedaçado. Othon Bastos é a própria história do Cinema Brasileiro. Um ator primoroso em tudo que faz. Já atuou em mais de 70 filmes; Rodrigo Santoro também está excelente no papel. Muito bom filme! Nota 10 Responder

Samuel Zadoque comentou: Muito Bom! Pra mim, foi a melhor atuação de Santoro! Nota 8 Responder

sandra comentou: Um filma lindo uma interpretaçao primorosa de Santoro Nota 10 Responder

renato comentou: eu qi nao perco meu tempo asistindo filme brasileiro Nota 10 Responder

Gustavo comentou: Filme mto bom. Rodrigo Santoro em uma das suas melhores atuações( se não a melhor). Parabens, são poucos filmes nacionais que ficam tão bem feitos. Nota 10 Responder

Fábio comentou: Ótimo filme, recomendo... Nota 10 Responder

Clarisse comentou: Pooo , queeria tanto veer . Só que a Idade ñ deiixa Nota 10 Responder

Lisarb comentou: Um argentino no Botafogo !!!! Nota 10 Responder

Carlos Corrêa comentou: Por teimosia do técnico da seleção de 1950, que não convocou o Heleno, perdemos aquela Copa.
Segundo várias pessoas que viram o Heleno jogar, o Brasil não perderia para o Uruguai, com direito a cusparada na cara do nosso lateral esquerdo e tudo.
De duas, uma: ou o jogo terminava com a vitória do Brasil com uns 2 gols dele, ou criaria uma confusão dos diabos e o jogo seria encerrado ainda empatado, o que nos daria o título.
Nota 10 Responder

Manoel Pereira comentou: Mais uma bela página do Botafogo para o mundo, Heleno é a história viva de um tempo de eterno romantismo de um povo, que até hoje é facinado pelo futebol e sua gente.Só o Fogão no mundo tem esse predestinação. Nota 10 Responder