Que Horas Ela Volta?

Poster do filme Que Horas Ela Volta?
  • Que Horas Ela Volta?

  • Estreia: 27/08/2015
  • Estreia DVD: 18/11/2015
  • Gênero: Comédia, Drama

  • Duração: 114 min.
  • Origem: Brasil
  • Direção: Anna Muylaert
  • Roteiro: Anna Muylaert
  • Distribuidor: Pandora Filmes
  • Classificação: 12 anos
  • Ano: 2015
3 votos
12 votos
0 voto
10 votos

Sinopse

Val (Regina Casé) está cansada de viver na pobreza no Nordeste e decide se mudar para São Paulo em busca de uma vida melhor. Mas para isso acontecer não dá para levar sua filha, Jéssica (Camila Márdila), que passa, então, a ser criada pela avó. Em São Paulo, Val se estabiliza como empregada de uma mansão e babá de Fabinho (Michel Joelsas). Treze anos se passam e Jéssica vai à São Paulo prestar vestibular e reencontrar a mãe. Mas isso não acontece de forma pacífica.

Curiosidades

  • O roteiro do longa levou 18 anos para ficar pronto.
  • A inspiração para a história veio da babá que Anna Muylaert teve, Dagmar. Outra inspiração foi o fato da cineasta não querer contratar uma babá quando teve seu primeiro filho.
  • Durante a fase de testes do elenco, Anna Muylaert buscava uma atriz mulata e nordestina. Por causa disso, ela foi um pouco relutante em escolher Camila Márdila para o papel da filha da babá. Mas ela se saiu tão bem no teste que acabou sendo a eleita.
  • Regina Casé e Camila Márdila dividiram o prêmio de Melhor Atriz Mundial do Festival de Sundance 2015.
  • A produção venceu o prêmio de Melhor Filme da Mostra Panorama do Festival de Berlim 2015.
  • O longa é o candidato do Brasil a uma vaga na disputa do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro 2016.

Assistir Trailers e Comerciais



Comentários (12)

Deixar um comentário


Henrique Klein comentou: Um grande tapa na cara da sociedade, mas nada além disso. Nota 7 Responder

Leonardo Ribeiro Macari comentou: Esse filme sim merecia o Oscar! Pena que a Academia de Hollywood não a escolheu para entrar nas 5 indicações da categoria de Melhor filme Estrangeiro. Mas pelo menos nesse ano temos uma animação concorrendo pelo nosso país. Nota 10 Responder

Titio Cookies comentou: Um bom filme, a maneira que ele mostra a diferença social é um tanto original, pois não demonstra pessoas desesperadas, sim pessoas mais simples. Além da incrível atuação da Regina Casé, o filme tem um belo enredo. Nota 9 Responder

Enzo Ferraz comentou: Não vou ver Nota 10 Responder

Deni comentou: Horrível. Não consegui chegar nem na metade. E era exatamente o que eu esperava. Um filme para divertir madames, intelectuais e classe média alta. Um filme para arrancar risadas. Afinal se divertir com a pobreza é ótimo! Vamos ao cinema para esquecermos da vida e não para vermos o lado ruim dela na tela.Os intelectuais e elite que falam que acham esse filme o máximo...mentem. Pois essas pessoas que falam que fazem o que não fazem e dizem ser que são o que não são, fazem isso para terem uma boa imagem publica. Mas dentro de suas mentes, dentro de suas casas ou entre seus pares dividem as pessoas em 2 grupos: as que têm dinheiro e diploma e as pobre com ou sem "penso". Rico não gosta de pobre. Branco não gosta de negro. Brasileiro gosta de estrangeiro e despreza brasileiro que tem um sotaque diferente da sua região. Quem gosta de gente é animal de estimação. Odeio hipocrisia. ODEIO. Nota 4 Responder

Wilken Vieira comentou: O filme é bom e Regina Casé impressiona. Nota 8 Responder

Moacir Dos Santos Goncalves comentou: O filme mostra sem excessos, a vida dos ricos e dos pobres e a luta dos menos favorecidos por um melhor lugar na sombra, pois no sol é de lascar. Nota 10 Responder

Mauricio Diniz comentou: O filme está sendo bem elogiado.
Fiquei curioso para ver ele...
Nota 10 Responder

wesley wfb comentou: Não Quero Ver Nota 1 Responder

Jeferson Kennedy da Silva comentou: Essa mulher é muito sem graça Nota 1 Responder

Jeferson Kennedy da Silva comentou: Essa mulher é muito sem graça Nota 1 Responder

Jeferson Kennedy da Silva comentou: Essa mulher é muito sem graça Nota 10 Responder