Os 8 Odiados

Poster do filme Os 8 Odiados
  • The Hateful Eight

  • Estreia: 07/01/2016
  • Estreia DVD: 27/04/2016
  • Gênero: Faroeste

  • Duração: 182 min.
  • Origem: Estados Unidos
  • Direção: Quentin Tarantino
  • Roteiro: Quentin Tarantino
  • Distribuidor: Diamond Films do Brasil
  • Classificação: 12 anos
  • Ano: 2015
4 votos
18 votos
0 voto
21 votos

Sinopse

Entre seis e oito anos após o fim da Guerra Civil, uma carruagem quebra em meio a paisagem invernal de Wyoming. O caçador de recompensas John Ruth (Kurt Russel) e a fugitiva Daisy Domergue (Jennifer Jason Leigh) vão para Red Rock, onde Ruth a entregará à justiça. Mas durante o percurso, eles encontram o Major Marquis Warren (Samuel L. Jackson), um ex-soldado que se transformou em um terrível mercenário, e Chris Mannix (Walton Goggins), um renegado sulista que quer ser o novo xerife da cidade.
 
Ao se perderem na nevasca, o grupo procura refúgio em uma parada administrada por Minnie (Dana Gourrier). Lá, são recebidos por Bob (Demian Bichir), que está cuidado do estabelecimento enquanto Minnie visita a mãe, Oswaldo Mobray (Tim Roth), o carrasco de Red Rock, o caubói Joe Gage (Michael Madsen), e o Confederado General Sandy Smithers (Bruce Dern). Conforme a tempestade de neve piora, os oito viajantes descobrem que podem nunca chegar à Red Rock.

Curiosidades

Assistir Trailers e Comerciais



Comentários (12)

Deixar um comentário


André Ribeiro comentou: Particularmente me senti como se tivesse lendo um livro, Tarantino tem um carinho e cuidado especial em seus roteiros, é impossível encontrar pontas soltas neste longa-metragem muito bem montado e executado. Interessante que o filme é dividido em seis capítulos, algo que enaltece ainda mais o trabalho minucioso do diretor.

A fotografia é os cenários são absurdamente maravilhosos e realistas, a trilha sonora é um dos elementos de mais destaque do longa, que se encaixa perfeitamente no clímax do filme. Todos os personagens foram bem desenvolvidos, eles são ambiciosos, calculistas, frios, e completamente malucos.

O filme tem problemas de ritmo e desenvolvimento nos seus dois primeiros capítulos, onde não teve um acontecimento de relevância que chamasse a atenção do espectador. Neste período, o filme ficou um pouco cansativo devido aos seus diálogos extensos, o que pesa na avaliação final, mas não chega a ser algo muito grave.

Às coisas começam a ficar interessantes a partir do final do terceiro capítulo, onde o personagem de Samuel L. Jackson conta uma história bizarra engraçadíssima, e é nesse momento que o filme começa a engrenar de vez. Nos capítulos seguintes o filme finalmente prende a atenção do público, atiçando a curiosidade do espectador sobre o desfecho da obra, com uma trama interessante cheia de suspense tensão e violência.

Enfim, Tarantino mais uma vez faz da sua marca e estilo funcionarem em um filme, mesmo que novamente se mantendo na sua zona de conforto.
Nota 7 Responder

Wilken Vieira comentou: Não consigo achar falhas aqui que o façam desmerecer a atenção do público, quanto os trabalho anteriores do diretor, ficou meio esquecido, mas Os Oito Odiados é um filme sensacional, violento, sangrento, cheio de diálogos incríveis, ótimos personagens e uma magnífica trilha sonora, a marca de Tarantino brilha mais uma vez, esse cara merece respeito por um ótimo trabalho. Nota 9 Responder

Senhor Ivan comentou: Nota-se uma diferença em relação as sanguinárias histórias de Tarantino.É um filme que conta muito com diálogos bem criados.Elenco excelente,bem acostumado a trabalhar com o diretor. Nota 8 Responder

wesley wfb comentou: Quero Ver 720p Bom Nota 10 Responder

Henrique Klein comentou: Está longe de ser o melhor trabalho de Quentin Tarantino, mas ainda assim é fantástico. Nota 8 Responder

Titio Cookies comentou: Meio monótono, mas as cenas de ação do Tarantino - como sempre - estão impressionantes, além da trilha sonora que enlouquece mais ainda o filme. Nota 7 Responder

Flávio comentou: Sou fã de Tarantino, mas desta vez acho que não deu muita liga. Muitos diálogos que poderiam dser cortados para reduzir o tamanho do filme que as vezes o trona monótono (faltou edição). Porém a fotografia é excelente e deslumbrante, assim como o figurino. Nota 7 Responder

Felipe Mello comentou: Tarantino consegue de novo reger uma história cheia de nós, interessante, que transita com facilidade entre o humor e o horror, dando importância igual a todos os personagens. Nota 9 Responder

Diego Espeschit comentou: A classificação é 18 anos.
No site está 12.
Favor corrigir.
Nota 10 Responder

Paulo comentou: MDS, outro filme foda do Tarantino!
Agora na minha "opinião" está entre os 3 filmes meus favoritos feitos por ele, junto com Pulp Fiction e Bastardos Inglórios.......
Nota 10 Responder

Guilherme Melinsck comentou: Agora me diz tanto dinheiro investido para vazar na web, falta de competência e vigilância ou da gravadora ou responsáveis pela segurança do mesmo :/ Nota 10 Responder

Waleria Aparecida Dos Santos comentou: Tarantino Nota 10 Responder
Daniel respondeu: é vai que ele acerta dessa vez 22/08/2014