Lea Michele pede desculpas após elenco de Glee acusá-la de racismo

Publicada em 03/06/2020

Comente

Lea Michele pede desculpas após elenco de Glee acusá-la de racismo
Foto: Divulgação/FOX

Na última terça-feira (02), Lea Michele, estrela da série Glee, foi acusada de racismo por Samantha Ware, ex-colega de elenco, após usar seu perfil no Twitter para se pronunciar a favor da campanha #BlackLivesMatter (Vidas Negras Importam, em português). 

Relembre:

Samantha Ware, de Glee, diz que Lea Michele fez da experiência "um inferno"

Lea Michele: "George Floyd não merecia isso. Isso não foi um incidente isolado e precisa acabar. #VidasNegrasImportam"
Samantha Ware: "Risos, lembra de quando você fez da minha primeira experiência televisiva um inferno na Terra? Porque eu nunca vou esquecer. Acredito que você disse para todos que, se pudesse, você "cagaria na minha peruca", dentre outras microagressões traumáticas que me fizeram questionar minha carreira em Hollywood"

A polêmica viralizou na rede social, ganhando mais força quando Amber Patrice Riley e Alex Newell, outros atores negros de Glee, comentaram gifs reagindo de forma misteriosa ao assunto, levando os fãs a acreditarem que eles também possam ter sido vítimas de Lea durante os bastidores da série.

Yvette Nicole Brown, que contracenou com Lea no sitcom The Mayor (2017), também comentou: "Eu senti cada uma dessas letras maiúsculas", referindo-se às palavras de Samantha. "Senti como se fossem tapas", responde Newell.

Nesta manhã de quarta-feira, 03 de junho, Lea Michele publicou uma carta aberta em seu Instagram no qual pede desculpas. Em tradução: 

''Uma das lições mais importantes que aprendi nas últimas semanas é que precisamos de tempo para ouvir e aprender sobre as perspectivas alheias e qualquer papel que tenhamos ou algo que possamos fazer para ajudar contra as injustiças que eles encaram. Quando tweetei no outro dia, foi com a intenção de mostrar apoio aos meus amigos, vizinhos e comunidades de cor durante esse tempo muito difícil, mas as respostas que recebi sobre o que postei me fizeram também focar especificamente em como o meu próprio comportamento com meus colegas de elenco foram percebidos por eles.

Embora eu não me lembre de fazer essa declaração específica e eu nunca tenha julgado aos outros por seus planos de fundo ou cor de suas peles, esse não é exatamente o ponto, o que importante é que eu claramente agi de formas que machucaram outras pessoas. Se foi minha posição privilegiada e perspectiva que me levou a ser percebida como insensível ou inapropriada as vezes, ou se foi apenas a minha imaturidade e eu sendo desnecessariamente difícil, eu peço desculpas por meu comportamento e por qualquer dor que tenha causado. Todos nós podemos crescer e mudar e eu definitivamente usei esses vários meses que se passaram para refletir sobre minhas próprias falhas.

Estou a alguns meses de me tornar mãe e eu sei que preciso continuar trabalhando em melhorar a mim mesma e a ter responsabilidade por minhas ações, para que eu possa ser uma modelo para minha criança e para que eu possa passar adiante minhas lições e erros, para que eles possam aprender comigo. Eu ouvi a essas críticas e estou aprendendo e, enquanto eu sinto muito, eu serei melhor no futuro por essa experiência."

Ela não cita nomes nem eventos, sendo novamente criticada nas redes sociais por nota superficial, enquanto alguns fãs agradecem por sua resposta. 

Samantha, Yvette, Alex e Amber não voltaram a se pronunciar até o presente momento.

Leia mais sobre Glee no Cinema10.

Por Karoline Póss

Comentários (0)





Nenhum comentário, ainda. Seja o primeiro a comentar!