Scooby-Doo 3 seria dirigido por James Gunn — se não tivesse sido cancelado

Publicada em 18/03/2020

Comente

Scooby-Doo 3 seria dirigido por James Gunn — se não tivesse sido cancelado
Foto: Divulgação/Warner Bros. Pictures

James Gunn escreveu Scooby-Doo (2002), filme em live-action que até hoje é muito querido pelos fãs da franquia da Hanna Barbera, tal como sua sequência, Scooby-Doo 2: Monstros à Solta (2004).

Ambos foram dirigidos por Raja Gosnell e James Gunn havia sido convidado para assumir a direção do terceiro longa, mas este nunca chegou a acontecer devido à recepção pouco entusiasmada do público e da crítica, embora tenha garantido bons números nas bilheterias.

Quem conta a história é o próprio Gunn durante uma brincadeira de perguntas e respostas em seu Instagram, @jamesgunn. Ele diz: "Fiz um acordo para escrever e dirigir o terceiro [filme] em 2004, mas o segundo, apesar de ter saído bem, não foi bom o suficiente para garantir um terceiro, então o filme nunca foi feito".

Apesar do terceiro live-action nunca ter saído dos planos, Scooby Doo continua em atividade pela Warner com uma versão animada prestes a estrear nos cinemas: SCOOBY! - O Filme tem seu lançamento marcado para o dia 14 de maio nos cinemas do Brasil. 

Assista ao trailer logo abaixo:

James Gunn não está envolvido na animação, mas atualmente trabalha no desenvolvimento de O Esquadrão Suicida, com lançamento esperado para 2021, e Guardiões da Galáxia Vol. 3, que está caminhando lentamente e ainda não recebeu previsão de estreia. 

Enquanto isso, leia mais sobre James Gunn no Cinema10.

Por Karoline Póss

Comentários (0)





Nenhum comentário, ainda. Seja o primeiro a comentar!