Série Vinyl, de Mick Jagger e Martin Scorsese, é cancelada após uma temporada

Publicada em 23/06/2016

Comente


Vinyl não durou muito...

 A HBO mudou de ideia sobre Vinyl. A série dramática sobre o mundo do rock'n'roll, situada nos anos 70, chegou a ser renovada para uma segunda temporada, mas agora o canal decidiu voltar atrás e encerrar a série em sua primeira temporada.

Com Martin Scorsese e Mick Jagger como produtores executivos, a série chegou a trocar de responsável no meio da primeira temporada: saiu Terrence Winter e entrou Scott Burns. Em comunicado oficial, a HBO explicou: "Depois de uma avaliação cuidadosa, decidimos não dar continuidade a uma segunda temporada de Vinyl. Obviamente, não foi uma decisão fácil. Temos um respeito enorme pelo time creativo e elenco, por seu trabalho duro e paixão pelo projeto".

Vinyl era considerada uma decepção, por ser uma série que nunca decolou, mesmo com orçamento alto, produção das melhores e com nomes respeitados no elenco. Michael Lombardo, ex-diretor de programação do canal, chegou a dizer que "a série não saiu como esperávamos, é decepcionante, mas acontece"

A decisão de não continuar com Vinyl acontece sob os cuidados do novo diretor de programação, Casey Bloys. Sem a série, sobra mais recurso financeiro para outros projetos que devem interessar mais ao novo diretor. 

É uma pena: Vinyl foi desenvolvida a princípio como um filme e começou a ser pensada duas décadas atrás, por Scorsese e Jagger. No entanto, a baixa audiência e o orçamento exagerado para uma produção de TV não ajudaram a série a se estabelecer. 

Na trama, Bobby Cannavale interpreta Richie Finestra, presidente de uma gravadora que está tentando salvar sua empresa e sua alma sem destruir todos ao seu redor. Veja o trailer abaixo:

 

 

E você, concorda com o cancelamento da série após apenas uma temporada? Deixe seu comentário abaixo! Saiba mais sobre Vinyl ou veja nossa seção de séries musicais

Por Fabíola Cunha

Comentários (0)





Nenhum comentário, ainda. Seja o primeiro a comentar!