"Glory", de John Legend e Common, emociona o público e ganha Oscar de Melhor Canção Original

Publicada em 23/02/2015

Comente


A canção Glory, do filme Selma - Uma Luta Pela Igualdade, foi apresentada na 87ª cerimônia do Oscar, que ocorreu no último domingo (22), no palco do Dolby Theatre, em Los Angeles, e emocionou todo o público presente, em especial ator David Oyetokunbo Oyelowo, protagonista do longa.
 
A música de John Legend e Common confirmou seu favoritismo e foi a grande vencedora do prêmio de Melhor Canção Original. 
 
Durante o discurso, Legend e Common foram claros em seu posicionamento político e deram mais um show de consciência. Common dedicou o prêmio as pessoas que protestaram em Ferguson, Chicago depois do assassinato de Michael Brown, em Hong Kong pela democracia ou pela liberdade de expressão na França. 
 
Enquanto John Legend disse que “Nina Simone disse que é dever do artista mostrar os tempos em que vivemos. Selma pode ter sido há 50 anos, mas é agora porque a luta por justiça é agora. O direito ao voto pelos quais eles lutaram, hoje, agora estão sendo comprometidos. Vivemos em um país com a maior população carcerária do mundo. Existem mais homens negros presos do que escravos na época da escravidão".
 
Selma - Uma Luta Pela Igualdade acompanha a história do líder Martin Luther King Jr. para garantir que os negros tivesse direito ao voto nos Estados Unidos. Sua luta culminou com a marcha de Selma a Montgomery, no Alabama, forçando o presidente Johnson a criar a Lei do Direito ao Voto (1965). Este ano a histórica marcha comemora 50 anos.
 
Abaixo, confira a performance de John Legend e Common:
 
 
Confira a lista com todos os vencedores AQUI!
 
Por Rosa Felix

Comentários (0)

Deixar um comentário


Nenhum comentário, ainda. Seja o primeiro a comentar!