WandaVision: como Billy e Tommy podem voltar no MCU?

Publicada em 08/03/2021

Comente

Atenção: essa publicação contem spoilers do episódio final de WandaVision.

WandaVision: como Billy e Tommy podem voltar no MCU?
Foto: Divulgação/Disney+

A realidade criada por Wanda (Elizabeth Olsen) chegou ao fim junto à primeira (e única) temporada da minissérie exibida pelo Disney+. Ao destruir por completo a realidade de sitcom que havia criado, sua família desapareceu junto.

Uma cena pós-créditos, entretanto, sugere que seus filhos Tommy e Billy ainda possam retornar de alguma forma. Enquanto Wanda estudava o livro de magia, ela ouve a voz de suas crianças clamando por socorro. 

Isso pode estar relacionado à já confirmada participação de Wanda em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, que parece ser a mais provável teoria, mas os quadrinhos também nos possibilitam outras especulações.

Em uma delas, relembra-se que nas HQs, Wanda usou fragmentos da vida de Mefisto para dar vida a seus filhos, mas que eles acabaram desaparecendo novamente quando reabsorvidos pelo demônio. O personagem não apareceu em WandaVision, na qual sabemos que Wanda usou um pedaço da Pedra da Mente que vive dentro de si, mas pode ter uma aparição em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura.

A outra possibilidade visa que as vozes escutadas por Wanda não sejam exatamente do Tommy e Billy que conhecemos, mas de outra versão dos meninos, como uma linha temporal alternativa na qual eles ainda estão presos.

Essa teoria acarreta, ainda, na possibilidade de um futuro filme ou série com os Young Avengers, no qual eles poderiam se tornar personagens de grande destaque.

Entretanto, essas duas especulações são apenas teorias de fãs, não sendo portanto oficializadas (ou negadas) pela Marvel e Disney+. Para sabermos mais sobre o futuro de Wanda, Tommy e Billy no MCU, será necessário de fato assistir aos próximos projetos da franquia.

Enquanto isso, leia mais sobre o sucesso de WandaVision aqui no Cinema10.

Por Karoline Póss

Comentários (0)





Nenhum comentário, ainda. Seja o primeiro a comentar!