O Diário de Bridget Jones

Poster do filme O Diário de Bridget Jones
  • Bridget Jones's Diary

  • Estreia: 17/08/2001
  • Gênero: Comédia, Drama, Romance

  • Duração: 97 min.
  • Origem: Reino Unido e Estados Unidos
  • Direção: Sharon Maguire
  • Roteiro: Helen Fielding
  • Distribuidor: Universal Pictures
  • Classificação: -
  • Ano: 2001
5 votos
23 votos
1 voto
10 votos
3 votos

Sinopse

Quem nunca passou por isso? Ver o reveillon se aproximar e fazer uma lista de "resoluções de Ano Novo", geralmente abandonada antes do início de fevereiro. A situação é contada com muito bom humor no livro de Helen Fielding - "O Diário de Bridget Jones", transformado em filme pelas mãos da diretora Sharon Maguire. A personagem Brigdet Jones (Renée Zellweger) é uma mulher de classe média, descontente com os rumos tomados pela sua vida. Acima do peso, fumando demais e amando de menos, Bridget resolve virar a mesa do seu próprio destino. E para que esta nova fase seja devidamente registrada, ela decide anotar todos os passos num diário íntimo. Ao mesmo tempo, ela inicia uma paquera virtual com o seu mulherengo patrão Daniel (Hugh Grant). Nesta "nova fase" de sua vida, Bridget vai passar por sérias e hilariantes experiências. "O Diário de Bridget Jones" mergulha no universo feminino contemporâneo com muito bom humor. É uma comédia de gargalhadas, mas também de sorrisos irônicos. O que nem poderia ser diferente, já que o texto é eminentemente britânico.

Veja também:
Bridget Jones no Limite da Razão (2004)
O Bebê de Bridget Jones (2016)

Elenco

Imagens e Fotos



Comentários (9)

Deixar um comentário


Ivan Sousa comentou: Estamos convidados a explorar e acompanhar pouco a pouco a vida escrita de Bridget Jones.Um começo de uma série onde traz no comando,Reneé Zellweger,como a própria Bridget Jones.É bem fácil analisá-la.Problemática ao extremo,e nunca se decide em algo que quer.Sempre indecisa,Bridget consegue divertir todo o filme,com suas loucas aventuras na maioria das vezes amorosa.Que não sabe se fica com Mark (Colin Firth) ou Daniel (Hugh Grant).Pode sim ser considerado um triângulo amoroso,porque nas indas e vindas eles acabam se esbarrando pela a cidade.Nas festas ou até mesmo no local de trabalho.Renée Zellweger esbanjava boa forma.Tanto nas suas atuações,que ainda estava sendo bem cotada a fazer bons trabalhos.Quanto física,pois ao longo do filme mostra belas curvas que enchem os olhos.Colin Firth faz um papel bem mais interessante do que Hugh Grant. Nota 6 Responder

Rayane Gabriele comentou: Li o livro e gostei bastante, mas até agora não estou conseguindo assistir. Nota 10 Responder

Henrique Klein comentou: Não quero ver... Nota 1 Responder

ASR comentou: nao tó mt afim de ver Nota 5 Responder

Mauricio Diniz comentou: Um filme de comédia muito bom que nos faz rir de situações comuns que podem acontecer com qualquer um... Nota 8 Responder

Wilken Vieira comentou: Um comédia romântica, inteligente gostosa de assistir, com boas atuações te todo o elenco em si e com um ritmo bem equilibrado Nota 7 Responder

Lucian Moura comentou: Uma comédia romântica interessante que dignifica o gênero, pois ao descrever problemáticas de pessoas simples (em especial da protagonista claro) se torna uma história agradável, possui uma mensagem de reação, reestruturação e análise de escolhas, afinal obter 80% no Rotten Tomatoes não é pra qualquer um, e até mesmo a briga na parte final do filme condiz bem com a realidade comum. Nota 7 Responder

Luis Gustavo Block Nienkotter comentou: parece ser legalzinho Nota 5 Responder

Meiriellen Nascimento comentou: estou assistindo agora e gostei muito!! Nota 10 Responder