Em Nome da Lei

  • Em Nome da Lei

  • Estreia:
    21/04/2016
  • Estreia DVD:
    21/07/2016
  • Gênero:
    Ação, Drama, Suspense

  • Duração:
    115 min.
  • Origem:
    Brasil
  • Direção:

    Sergio Rezende

  • Roteiro:

    Sergio Rezende

  • Distribuidor:

    Fox Film do Brasil

  • Classificação:
    14 anos
  • Ano:
    2016
0 voto
1 voto
0 voto
5 votos
2 votos

Sinopse

Vitor (Mateus Solano) é um juiz federal disposto a lutar contra o esquema de contrabando e tráfico de drogas na fronteira entre o Mato Grosso do Sul e o Paraguai. Ao chegar com suas ideias preconcebidas, Vitor é atropelado pela realidade e nota que precisa de estratégia e paciência. Para prender o criminoso Gomez (Chico Diaz), o juiz precisará da ajuda da procuradora Alice (Paolla Oliveira) e da equipe do policial federal Elton (Eduardo Galvão).

Curiosidades

  • O filme é inspirado no trabalho do juiz federal do Mato Grosso do Sul, Odilon Oliveira. Durante seu trabalho ele recebeu diversas ameaças de morte e chega a ser escoltado por agentes federais, 24 horas por dia, além de sempre usar colete a prova de balas.
  • Mateus Solano e Paolla Oliveira viveram irmãos na novela Amor à Vida (2013).
  • As filmagens foram realizadas na cidade de Dourados, no Mato Grosso do Sul.

Elenco

Assistir Trailers e Comerciais



Comentários (4)

Deixar um comentário


Leonardo Ribeiro Macari comentou: Sem Palavras! Que trailer mais incrível e arrebatador,mesmo curto demais. Finalmente um Filme REALMENTE com a cara do Brasil, ainda mais atualmente. Excelentes atores em Excelentes papéis, numa História verídica e moderna. O Filme promete mais do que boa Bilheteria e critica, como GRANDES PRÊMIOS do cinema Brasileiro e até Mundial!!! Quem sabe o Nosso Primeiro OSCAR venha com esse filme sobre Justiça e Lei? Aguardemos o inquérito final... Nota 10 03/05/2016 | Responder

Rafa Risse comentou: Fui assistir EM NOME DA LEI

Faaaaala galerinhaaaa !!!

Tudo bem com vocês?

Bom, é claro que estou perguntando isso, meramente devido ao fato de terem me dado educação nessa vida, pois “bem” mesmo, nenhum Brasileiro está no momento, né?

Até quem é rico, TÁ SEM DORMIR, na verdade...

Mas não vim aqui para falar dessas questões agora, quem sabe, numa próxima crítica minha, mas vim aqui para falar deste filme Brasileiro QUE DEU MUUUUITO MOLE, na minha opinião.

Pois bem, mas antes, tenho alguns recados pra vocês, ok?

PRIMEIRO RECADO: Tem muita gente me enviando solicitações de amizades, só que, sem problema nenhum, se você já fez isso, entra aí na sua caixa de mensagem ou na caixa (outros) do seu facebook que eu já te respondi e te mandei o meu NOVO PERFIL DO FACEBOOK que vou aceitar amigos, inimigos, críticos, amantes de livros, de cinema, de artes plásticas, de teatro e afins...Criei esse novo perfil para ter mais contatos de amizades e para quem desejar falar mais diretamente comigo, ok? Além, é claro, de podermos debate mais sobre os assuntos. Essa conta aqui que vocês estão lendo essa crítica que irei fazer agora É SOMENTE PARA POSTAGENS DE CRÍTICAS, ou seja, não estarei aceitando solicitações de amizades por esta conta aqui, Ok? Mas nessa nova conta que falei, vou aceitar TODOS. A nova conta é o nome Rafael Risse , só que, vai aparecer vários perfis, aí você procura o perfil com a capa do CQC e com a foto do MICROFONE DO CQC, que eu te aceito, ok? Se tiver dificuldades, me falaram que dá pra buscar a pessoa pelo e-mail dela, então, anota aí o e-mail pra você me achar é o rafaelrissearte @ hotmail . com , eu separei o [email protected] e o “ponto com” para não criar um link, aqui na postagem ok? É só juntar tudo e me procurar. E no pior das hipóteses, eu te aceito aqui e te mando o link por mensagem, ok?


SEGUNDO RECADO: Eu tenho um blog, só que, eu não divulgo, pois lá, é um especo SÓ MEU, saca? As críticas que posto aqui nos grupos do facebook, são críticas que eu, meio que “corto” ou então “retiro” ou ainda “reparo” algumas coisas, as quais penso sobre determinadas coisas que, se eu for divulgar em grupos, VAI DAR MERDA PRA CARALHO, pois os grupos não são meus, os grupos tem adms, os grupos tem regras e nem sempre eu posso ser “eu” DE VERDADE nos grupos, saca? Logo, no meu blog, quem tem acesso, vê ler AS MINHAS CRÍTICAS SEM CORTES, SEM RETIRAR NADA, SEM RESTRIÇÕES DE NADA. Só que, esse meu blog, tem uma parada nele em que, as pessoas, podem “seguir as minhas postagens”, e foi justamente isso que aconteceu nessa semana. Um rapaz, não sei se é do facebook, do twitter ou de algum grupo de zap que participo, ou se ele é somente do blog mesmo, teve acesso á uma crítica antiga que fiz sobre o filme “ENTRE ABELHAS”, como todos sabem, eu não respondo os comentários de minhas postagens, a não ser se forem comentários inteligentes, muito menos, eu respondo também de meu blog... Pois sei que dá MÓ TRETA isso.
Então, na minha próxima crítica, eu irei falar um pouco do que achei do filme ”ENTRE ABELHAS” só que, vou falar pouco, pois já fiz a crítica sobre esse filme, e também não será como uma “resposta” para esse menino que apareceu em meu blog, mas será para esclarecer alguns pontos do filme em que achei DETESTÁVEIS.

Belezinha, então? Vamos á crítica de “EM NOME DA LEI?”

Terá spoiler, ok?

Pois bem...

Olha, todo mundo sabe que EU AMO O CINEMA BRASILEIRO E ARGENTINO, não me pergunte os motivos, até hoje, nem eu sei, mas amo.

Só que, tem coisas que acho muita “forçação de barra”, sabe? Perdão, acho que escrevi “forçação” errado né? Então... Gostou, não? FODA-SE!

Continuando...

Existem coisas que, não precisa ninguém te falar, você meramente SENTE ISSO.

Nesse filme, a parece a PAOLLA OLIVEIRA, a mesma que ficou conhecida por ter mostrado O RABO numa cena em que saiu em todos os sites de fofoca, em todos os canais de fofocas e tals e tals e tals...

Pois bem, até então, ninguém comentava do talento de atriz desta garota(se é que ela tem talento), e só depois desta cena, é que ela, de fato, apareceu e ficou conhecida, sim, PELO RABO DELA.

Pois bem, a mesma coisa acontece com a CLÉO PIRES...

Esta menina, jogada de lado pelo pai (não sou eu quem digo isso, eles mesmos fazem questão da falar que não ausentes um do outro) tanto é que, no filme em que ela e o pai dela participam, acho que é “Qualquer gato vira lata” eles mesmos falam sobre isso e procuram “COMOVER” o público...

E infelizmente, existe uma desgraça nacional chamada DOMINGÃO DO FAUSTÃO, onde, essa garota, para surpreender o pai(como se nada tivesse armado) aparece para dar um abraço no pai e rolou todo aquele drama e choro e remelas escorrendo e catarros escorrendo e tals e tals e tals...

Daí, o babaca do Faustão(QUE RECOMENDO QUE PAREM DE ASSISTIR URGENTEMENTE), falou em alto e bom som “Alô direção artística da globo, vamos ver os novos talentos aí, hem !!!” , e foi daí que a Cléo começou a aparecer, sem estudar, sem técnicas teatrais, sem nenhum gingado de atriz...

E ela não foi a única, o irmão dela também seguiu o mesmo caminho (TAMBÉM PELA INDICAÇÃO DO BABACA DO FAUSTÃO NO PROGRAMA DELE), á época, ele tinha uma banda QUE NEM CANTAR ELE SABIA, a banda nem tinha vocalista...

Isto posto, senhores...

Como é que eu poderia avaliar e fazer uma crítica de um filme onde uma atriz que fica conhecida pelo RABO faz parte do mesmo? Ou uma outra atriz que fica conhecida por aparecer no Faustão e já é chamada pra novelas e com um cunho de sexo também? Se lembram, do “Tio” ? Pois é, ela apareceu MUITO PARECIDA COM A PAOLLA OLIVEIRA, ou seja, eram cenas que era meramente esperada os atos sexuais de Edson Celulari e Cléo, de um modo erotizante, digamos assim.

Quanto ao irmão da Cléo, não irei perder tempo aqui falando desse “nada” para mim.

Pois bem...

Tentei (com todas as minhas forças) prestar atenção no roteiro, e infelizmente, ME FERREI LEGAL !

Roteiro fraco, uma história que mais parecia desenho animado do que um cinema...

Um juiz quer acabar de vez com o crime na região ao qual foi transferido, e segundo o filme, no final, quando ele vai tomar um “cafezinho” parece que, simplesmente, ele conseguiu acabar com o tráfico, com o contrabando, com as vendas de drogas e tudo mais. Ou seja, o filme trás um final TOTALMENTE FELIZ e parecendo um CONTO DE FADAS...

Uma pena...

Não recomendo !

Chega de babaquices !!!

Quero ATUAÇÃO !
Quero ATRIZES !
Quero ROTEIROS !
Quero TALENTO !

Não se esqueçam de me add no meu NOVO facebook, pessoal.

Abração !
Nota 2 03/05/2016 | Responder

Maria da Graça Silva dos Santos comentou: Excelente filme, a abordagem ao tráfico na fronteira foi muito boa, onde coloca a situação atual do nosso País, onde ficamos encalacrados e num Pais que acaba nas mãos de bandidos!!!
Parabéns Matheus Solano, Paola Oliveira, Chico Dias, Eduardo Galvão...
Muito bom!!!
Nota 10 26/04/2016 | Responder

guilherme santos comentou: Lixo Nota 1 30/03/2016 | Responder