Parasita

Poster do filme Parasita
  • Gisaengchung

  • Data de Estreia: 07/11/2019
  • Estreia DVD: 28/01/2020
  • Gênero: Drama , Suspense / Thriller

  • Duração: 132 min.
  • Origem: Coréia do Sul
  • Direção: Joon-ho Bong
  • Roteiro: Dae-hwan Kim , Jin Won Han , Joon-ho Bong + ver todos
  • Distribuidor: Pandora Filmes
  • Classificação: 16 anos
  • Ano: 2019
Usuários (Média: 4,5)
Avaliar:
Quero Ver
Favorito Gostei Não Gostei Quero Ver Não Quero Ver

Envie também um comentário

* Comentários contendo qualquer tipo de palavrão, ofensa ou discriminação serão deletados e seu perfil bloqueado.
46 voto s
79 voto s
12 voto s
470 voto s
26 voto s

Sinopse

Uma família está totalmente desempregada e com um futuro sombrio pela frente. Quando um dos filhos recebe uma proposta de trabalho em uma casa, tudo vira do avesso e eles se envolvem em um incidente incontrolável. 

Curiosidades

  • O filme é do mesmo diretor de Okja (2017). 
  • Segundo os principais sites de nota americanos, o filme está entre os 5 melhores longas de 2019 e também entre os 100 melhores filmes de todos os tempos.
  • O orçamento do filme foi de 13,5 bilhões de won sul-coreanos.
  • No Globo de Ouro, Parasita levou a estatueta de Melhor Filme de Língua Estrangeira. 
  • Já no Oscar 2020, o filme se consagrou o grande vencedor do evento, ganhando Melhor Direção, Melhor Filme, Melhor Filme de Língua Estrangeira e Melhor Roteiro Original. Recorde: Parasita foi o primeiro filme estrangeiro a vencer a categoria principal de Melhor Filme do Oscar!
  •  

Onde assistir Parasita?

O filme está disponível em:
Telecine Telecine
Globoplay Globoplay

Assistir Trailers e Comerciais

Imagens e Fotos

Veja também, no mesmo Gênero

Comentários (2)






André Ribeiro comentou: O Oscar tem a fama de quase sempre dar o principal prêmio da cerimônia para filmes chatos e insossos. Posso citar, por exemplo, a trinca patética: "Spotlight", "Moonlight" e o mais absurdo de todos! O abominável "A Forma da Água", ou seja, quase sempre o pior indicado leva o prêmio.

Em 2020 veio a grande surpresa, "Parasita" foi o primeiro filme estrangeiro da história a levar o prêmio de melhor filme! Bong Joon-ho definitivamente escreveu seu nome na história cinematográfica surpreendendo a todos! O Oscar dessa vez acertou na escolha, embora acredite que "Coringa" merecesse mais o prêmio de melhor filme.

Filme muito bem dirigido e escrito, com uma história interessante e envolvente; desenvolvimento dinâmico e ágil. Filme visceral, moderno, estiloso, e é muito bem-sucedido em suas críticas sociais.

Além de contar com um bom ritmo, "Parasita" ainda nos agracia com plot twist foda demais! E um final com bastante violência e demência, que é muito bem-vindo em filmes Sul-Coreanos.

Especial maratona filmes Sul-Coreanos
6 de janeiro de 2022
Minha avaliação: 8,0/10
Nota
18/02/2022 | Responder

Amanda Aparecida R. Santos comentou: Acompanhando as premiações de cinema, vamos falar de Parasita!

O filme Parasita (Parasite) lançado em 2019 foi dirigido por Joon-ho Bong, mesmo diretor de Expresso do Amanhã (Snowpiercer, 2013).

Acredito que seja unanimidade o fato de que o filme é bem dirigido, mas temos que comentar como um filme cheio de esteriótipos e clichês conseguio dominar a critica e publico de maneira tão eficaz.

O roteiro de Parasita fala muito sobre desigualdade social e cria um espelho entre as duas famílias Kim e Park que são opostas, uma família bem pobre e outra bem rica que são apresentadas no desenvolvimento da trama.

Ao longo do filme é apresentado também diversas situações que lidam com algum tipo de parasita ou alguma forma de parasita, um exemplo é quando os membros da família Kim, a família mais pobre, tentando roubar o sinal de wi-fi que por causa da sua situação não pode pagar.

Nessa mesma linha de raciocínio a família Park, a família mais rica, também se encaixa no quesito parasita, no sentido que eles dependem dos empregados para fazer as coisas chegando ate mesmo a ponto de terceirizar a criação e educação de seus filhos para seus empregados.

O roteiro questiona demais essas e outras questões utilizando variações de humor e terror para trazer ao publico a empatia em relação as famílias.

A habilidade do diretor Joon-ho Bong em conseguir equilibrar comédia com um lado sombrio de terror torna esse filme uma grande e grata surpresa.

Com certeza vale a pena assistir esse filme, então fica a dica! Se já viram deixem suas impressões aqui no blog também.

Confiram outros comentários de filmes em: https://www.depoisdasessao.com.br/
Nota
22/01/2020 | Responder